Topo
Blog Página Cinco

Blog Página Cinco

Felipe Neto, Padre Reginaldo, Cortella… os livros mais vendidos de 2017

Rodrigo Casarin

26/12/2017 14h45

Padre Reginaldo Manzotti, Paulo Vieira, Augusto Cury, Yuval Noah Harari, Rita Lee, Felipe Neto e Mario Sergio Cortella. Esses foram alguns dos autores que mais venderam livros no Brasil em 2017, isso segundo a lista do site PublishNews. A publicação especializada no mercado editorial apura semanalmente os títulos mais vendidos de 12 redes de livrarias com lojas espalhadas por todo o país e reúne esses dados em rankings semanais, mensais e anuais.

Sim, sei que o ano não chegou ao fim, mas já estamos na segunda metade de dezembro e pouca coisa deve mudar entre os campeões de vendas no país. A lista dos 10 mais comercializados do PublishNews está logo abaixo, bem como o ranking de cinco livrarias específicas: a gigante Saraiva, com mais de 100 lojas físicas espalhadas pelo Brasil, a Livraria Cultura, com cerca de 15 lojas, a Livraria Travessa, uma rede com nove lojas e que também opera em eventos como a Flip, a tradicional Martins Fontes (duas lojas) e a Realejo, uma pequena livraria de Santos – todas ainda comercializam pela internet.

É interessante comparar as listas apresentadas por quem acompanha o mercado como um todo, por algumas de nossas principais redes e por empresas menores. Veja só:

Lista do PublishNews (ao lado, a quantidade de exemplares vendidos até a metade de dezembro):
1º – "Batalha Espiritual", de Padre Reginaldo Manzotti (Petra) – 137.318 exemplares
2º – "O Poder da Ação", de Paulo Vieira (Gente) – 127.664 exemplares
3º – "O Homem Mais Inteligente da História", de Augusto Cury (Sextante) – 127.049
4º – "Sapiens – Uma Breve História da Humanidade", de Yuval Noah Harari (L&PM) – 126.898
5º – "Propósito", de Sri Prem Baba (Sextante) – 113.564
6º – "Por Que Fazemos o Que Fazemos?", de Mario Sergio Cortella (Planeta) – 112.207
7º – "Origem", de Dan Brown (Arqueiro) – 106.236
8º – "Felipe Neto", de Felipe Neto (Coquetel) – 101.939
9º – "Rita Lee – Uma Autobiografia", de Rita Lee (Globo Livros) – 95.993
10º – "Ansiedade – Como Enfrentar o Mal do Século", de Augusto Cury (Benvirá) – 94.324

Lista da Saraiva:
1º – "O Poder da Ação", de Paulo Vieira (Gente)
2º – "Minutos de Sabedoria", de Carlos Torres Pastorino (Vozes)
3º – "Felipe Neto", de Felipe Neto (Coquetel)
4º – "O Homem Mais Inteligente da História", de Augusto Cury (Sextante)
5º – "Por Que Fazemos o Que Fazemos?", de Mario Sergio Cortella (Planeta)
6º – "Sapiens – Uma Breve História da Humanidade", de Yuval Noah Harari (L&PM)
7º – "Ansiedade – Como Enfrentar o Mal do Século", de Augusto Cury (Benvirá)
8º – "Origem", de Dan Brown (Arqueiro)
9º – "Propósito", de Sri Prem Baba (Sextante)
10º – "O Poder do Hábito", de Charles Duhigg (Objetiva)

Lista da Cultura:
– Ver segunda atualização.

Lista da Travessa:
1º – "Sapiens – Uma Breve História da Humanidade", de Yuval Noah Harari (L&PM)
2º – "Rita Lee – Uma Autobiografia", de Rita Lee (Globo Livros)
3º – "Propósito", de Sri Prem Baba (Sextante)
4º – "Na Minha Pele", de Lázaro Ramos (Objetiva)
5º – "Origem", de Dan Brown (Arqueiro)
6º – "Outros Jeitos de Usar a Boca", de Kaur Rupi (Planeta)
7 – "Homo Deus – Uma Breve História do Amanhã", de Yuval Noah Harari (Companhia das Letras)
8 – "A Livraria Mágica de Paris", de Nina George (Record)
9º – "Para Educar Crianças Feministas: Um Manifesto", de Chimamanda Ngozi Adichie (Companhia das Letras)
10 – "Leonardo Da Vinci", de Walter Isaacson (Intrínseca)

Lista Martins Fontes:
1º – "A Cabana", de William Young (Arqueiro)
2º – "Na Minha Pele", de Lázaro Ramos (Objetiva)
3º – "Pai Rico, Pai Pobre: Edição de 20 Anos", de Robert Kiyosaki e Sharon Lechter (Alta Books)
4º – "Outros Jeitos de Usar a Boca", de Kaur Rupi (Planeta)
5º – "Origem", de Dan Brown (Arqueiro)
6º – "Rita Lee – Uma Autobiografia", de Rita Lee (Globo Livros)
7º – "Propósito", de Sri Prem Baba (Sextante)
8º – "Mapas", de Aleksandra Mizielinska e Daniel Mizielinski (WMF Martins Fontes)
9º – "Homo Deus – Uma Breve História do Amanhã", de Yuval Noah Harari (Companhia das Letras)
10º – "Seja Foda", de Caio Carneiro (Buzz)

Lista da Realejo
1º – "Sapiens – Uma Breve História da Humanidade", de Yuval Noah Harari (L&PM)
2º – "Rita Lee – Uma Autobiografia", de Rita Lee (Globo Livros)
3º – "Não Há Tempo a Perder", de Amyr Klink e Isa Pessoa (Tordesilhas)
4º – "A Livraria Mágica de Paris", de Nina George (Record)
5º – "A Pátria em Sandálias da Humildade", de Xico Sá (Realejo)
6º – "Uma História do Samba – Volume 1", de Lira Neto (Companhia das Letras)
7º – "Extraordinário", de R. J. Palacio (Intrínseca)
8º – "O Homem que Amava os Cachorros", de Leonardo Padura (Boitempo)
9º – "Stoner", de John Williams (Rádio Londres)
10º – "A Revolução dos Bichos", de George Orwell (Companhia das Letras)

Algumas constatações

– Apenas um livro que não de autoajuda aparece em cinco das seis listas: "Rita Lee – Uma Autobiografia", de Rita Lee (Globo Livros).

– Causa boa surpresa o interesse do grande público por "Sapiens", livro de divulgação científica.

– Surpreende também que "Batalha Espiritual", de Padre Reginaldo Manzotti (Petra), lidere os mais vendidos do PublishNews, mas sequer apareça nas outras listas.

– Fora um nome ou outro, a convergência entre as duas primeiras relações é enorme, enquanto a quarta, a quinta e a sexta trazem títulos bem diferentes.

– Enquanto as maiores vendas são de livros de autoajuda, a literatura ganha algum destaque na relação da Travessa e aparece com ainda mais força na lista da Realejo, a pequena livraria. Grande retrato do mercado nacional.

– Augusto Cury segue sendo nossa máquina de vender livros.

– "Batalha Espiritual", o maior best seller deste ano no país segundo o PublishNews, vendeu muito menos do que quem ocupou o mesmo posto em outros anos recentes (até aqui, 137.318 exemplares). Em 2016, o primeiro lugar ficou com "Como Eu Era Antes de Você", de Jojo Moyes (Intrínseca), com 352.330 unidades vendidas. Em 2015, "Jardim Secreto", de Johanna Basford (Sextante), vendeu 719.626 exemplares e ocupou o cargo. Já em 2014, "Nada a Perder 3", de Edyr Macedo (Planeta), liderou ao vender 870.094.

– Existe toda uma cena independente acontecendo, formada por pequenas editoras e fomentada principalmente por outras pequenas livrarias e feiras de nicho, cujos números não são captados por esse radar.

Atualização às 15h04: após o fechamento da matéria, a Livraria Curitiba também enviou a própria relação. Os dados não entram na minha análise, mas coloco aqui por conta das informações:

1º – "Batalha Espiritual", de Padre Reginaldo Manzotti (Petra)
2º – "Felipe Neto", de Felipe Neto (Coquetel)
3º – "Quatro Vidas de Um Cachorro", de Bruce Cameron (Casa dos Livros)
4º – "Do Zero ao Milhão", de Carlos Wizard Martins (Buzz)
5º – "O Homem Mais Inteligente da História", de Augusto Cury (Sextante)
6º – "Origem", de Dan Brown (Arqueiro)
7º – "Por que Fazemos o que Fazemos?", de Mario Sergio Cortella (Planeta)
8º – "Ansiedade – Como Enfrentar o Mal do Século", de Augusto Cury (Benvirá)
9º – "O Pequeno Príncipe", de Antoine de Saint-Exupéry (Agir)
10º – "Propósito", de Sri Prem Baba (Sextante)

Atualização em 27/12, às 20h: diferente do informado anteriormente, a lista da Cultura não conta apenas com livros de autoajuda, mas com os seguintes títulos: "Sapiens", "Propósito", "Origem", "Rita Lee", "Homo Deus", "Por que Fazemos o que Fazemos?", "O Poder do Hábito", "O Poder do Agora", "Outros Jeitos de Usar a Boca" e "O Homem Mais Inteligente da História".

Entro em um breve recesso, volto a postar no dia 4 de janeiro. Bom final de ano a todos 🙂

Gostou? Você pode me acompanhar também pelo Twitter e pelo Facebook.

Sobre o autor

Rodrigo Casarin é jornalista pós-graduado em Jornalismo Literário. Vive em São Paulo, em meio às estantes com as obras que já leu e às pilhas com os livros dos quais ainda não passou da página 5.

Sobre o blog

O blog Página Cinco fala de livros. Dos clássicos aos últimos sucessos comerciais, dos impressos aos e-books, das obras com letras miúdas, quase ilegíveis, aos balões das histórias em quadrinhos.