Blog Página Cinco

George W. Bush faz sucesso nos Estados Unidos como pintor que demonstra "compaixão"

Rodrigo Casarin

13/03/2017 14h19

Um livro que reúne reproduções de quadros pintados por George W. Bush, presidente dos Estados Unidos entre 2001 e 2009, está fazendo sucesso da terra do Tio Sam. “Portraits of Courage”, lançado no final de fevereiro pela Crown, já desponta nas listas dos mais vendidos, encabeçando a última relação de best-sellers de não ficção em capa dura do jornal Washington Post.

A obra apresenta mais de 60 retratos de militares que serviram o exército norte-americano em guerras recentes. Baseadas em fotografias, as pinturas quase sempre focam no rosto e enfatizam principalmente o olhar dessas pessoas, muitas delas com sérios problemas psicológicos devido à vida nos campos de batalha. Para Philip Kennicott, crítico de arte, Bush é um artista que demonstra “curiosidade” e “compaixão”.

O ex-presidente passou a pintar após o final de seu segundo mandato. Começou esboçando cubos, frutas e até cachorrinhos, como podemos ver abaixo. Depois que ganhou intimidade com os pinceis, dedicou-se a paisagens e, na sequência, a retratos de líderes mundiais como Vladimir Putin e Angela Merkel. Parte dessa produção foi exposta em uma galeria de Dallas em 2014, inclusive. Quando estava em busca de um novo tema para seus quadros que lhe sugeriram voltar o olhar aos veteranos de guerra que permaneciam anônimos nos Estados Unidos.

“Eu pintei esses homens e mulheres como uma forma de honrar o serviço que eles prestaram ao país e mostrar meu respeito pelo sacrifício e coragem de cada um deles. Espero chamar a atenção para os desafios que alguns enfrentam quando voltam para casa e para a vida civil – e para a necessidade do país melhor acolhê-los”, escreve Bush na introdução do livro.

Sobre o autor

Rodrigo Casarin é jornalista pós-graduado em Jornalismo Literário. Vive em São Paulo, em meio às estantes com as obras que já leu e às pilhas com os livros dos quais ainda não passou da página 5.

Sobre o blog

O blog Página Cinco fala de livros. Dos clássicos aos últimos sucessos comerciais, dos impressos aos e-books, das obras com letras miúdas, quase ilegíveis, aos balões das histórias em quadrinhos.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Página Cinco
Topo