Topo
Blog Página Cinco

Blog Página Cinco

Livro de filha e bisnetos de Mandela fala sobre o apartheid para crianças

Rodrigo Casarin

15/08/2018 10h04

Dentre as novidades que chegaram ao mercado por conta do centenário de nascimento de Nelson Mandela, uma das mais simpáticas é "Vovô Mandela" (V&R), assinado por Zindzi Mandela, filha do grande líder sul-africano que morreu em 2013, e Zazi e Zewelene, netos de Zindzi e bisnetos de Nelson.

Ilustrado por Sean Qualis, o livro infantil nasce de 15 perguntas sobre Mandela feitas por Zazi e Zewelene para Zindzi. A partir disso, a trajetória do homem que passou 27 anos na prisão, virou presidente da África do Sul depois de liberto e ganhou o Nobel da Paz de 1993 é recontada com uma linguagem didática, pensada para os pequenos.

Quando Zazi questiona por que seu avô foi encarcerado, por exemplo, ouve como resposta: "Ele foi preso porque estava lutando contra o apartheid. O apartheid era uma lei na África do Sul que separava as pessoas negras das pessoas brancas e que dizia que as pessoas brancas eram melhores. O vovô lutava para que todos fôssemos iguais. Sabem quando a gente diz que 'alma não tem cor'? Era para defender isso que o Vovô Mandela estava lutando".

Em outro momento, a dúvida é "Por que as pessoas brancas começaram a deixar triste a vida de todo mundo?". Ao que a avó responde: "Porque as pessoas brancas foram ensinadas, na colonização e no apartheid, a odiar. Disseram a elas que eram melhores que as pessoas negras".

A narrativa segue com Mandela deixando a prisão, tornando-se presidente do país e sentando à mesa com seus antigos inimigos para que pudessem pensar em uma unificação social possível para a África do Sul. "É nisso que acreditamos enquanto povo africano: em tratar as pessoas do jeito que nós queremos ser tratados. Foi isso que inspirou o Vovô a lutar por seu povo e também o que ajudou a perdoar seus inimigos", explica a avó já no final da obra.

Veja algumas imagens de "Vovô Mandela" (clique nelas para ampliá-las):

Gostou? Você pode me acompanhar também pelo Twitter e pelo Facebook.

Sobre o autor

Rodrigo Casarin é jornalista pós-graduado em Jornalismo Literário. Vive em São Paulo, em meio às estantes com as obras que já leu e às pilhas com os livros dos quais ainda não passou da página 5.

Sobre o blog

O blog Página Cinco fala de livros. Dos clássicos aos últimos sucessos comerciais, dos impressos aos e-books, das obras com letras miúdas, quase ilegíveis, aos balões das histórias em quadrinhos.